Érico Elias

Jornalista, Curador, Pesquisador e Fotógrafo. Vive entre São Paulo e Paris

Érico Elias nasceu em Guaxupé (MG), em 1981, filho do escritor Elias José. Formou-se em Jornalismo pela Unesp em 2002. Cursou graduação em Fotografia no Centro Universitário Senac, em São Paulo (2003-2005). Realizou residência artística de um ano na École Nationale Supérieure de la Photographie, em Arles, França, entre 2009 e 2010. Tem diversas produções no campo da fotografia e do vídeo.

Tem Mestrado (2007-2009) e Doutorado (2012-2017) em Artes Visuais pela Unicamp, pesquisas realizadas com bolsa FAPESP, sob orientação de Fernando de Tacca, que trataram sobre as relações entre fotografia e cinema no campo dos fotofilmes. Realizou um ano de estágio de pesquisa no exterior com bolsa BEPE-FAPESP, sob orientação do professor Georges Sifianos na École Nationale Supérieure des Arts Décoratifs, em Paris, entre 2015 e 2016, para produção do filme Valerio (2017), um dos produtos resultantes da pesquisa de Doutorado. Publicou artigos teóricos no Jornal da Unicamp, revista ZUM e nas revistas acadêmicas Anais do Museu Paulista e Studium.

É o criador e coordenador do Grande Prêmio Fotografe, lançado em 2020, uma plataforma para a publicação, exposição e premiação de trabalhos fotográficos, e do Prêmio Mobile Fotografe, lançado em 2021, voltado exclusivamente a fotografias captadas com smartphones. Fez a curadoria da mostra Fotofilmes, realizada no âmbito do XII Festival Internacional de Fotografia Hercules Florence, em 2021.

Foi curador de três edições do Festival Internacional de Fotografia Paraty em Foco, a 13ª Edição, realizada em 2017, com o tema “Fotografia: documento e ficção”, a 14ª Edição, realizada em 2018, com o tema “Fotografia: Utopia / Distopia”, e a 15ª Edição, realizada em 2019, com o tema “Migrações”. Também atuou como Diretor Artístico do festival em 2018 e 2019.

Em parceria com Fernando de Tacca, realizou a curadoria mostra Fotofilmes Brasileiros, exibida em diferentes formatos em três eventos, na Mostra Unicamp de Fotografia, em outubro de 2014, no 26° Festival Internacional de Curtas-Metragens de São Paulo, em agosto de 2015, onde foi acompanhada do lançamento de um livro editado pelo Sesc e a Kinoforum, e no 11° Festival Internacional de Fotografia Paraty em Foco, em setembro de 2015.

Trabalhou como jornalista na revista Fotografe de 2005 a 2013, fazendo todo tipo de reportagem sobre fotografia, além de coberturas de festivais e feiras. Retornou à publicação em 2019, como Editor Assistente, onde permaneceu até 2021. Concebeu o novo site da revista Fotografe, lançado em 2020, no qual atua como Editor. Publicou pela Editora Europa a coleção de livros Gêneros da Fotografia, composta por oito volumes, que faz parte da Biblioteca Fotografe. Está entre os fundadores do coletivo de produção de conteúdo e desenvolvimento de sites Estúdio Teca, criado em 2011 em São Paulo. Atuou como Coordenador de Comunicação do Festival Internacional de Fotografia Paraty em Foco em 2015 e 2016.

Deu cursos e fez apresentações sobre fotofilmes no Festival Hercules Florence, em 2021, no evento “Encontros com o Olhar”, realizado pela Universidade Estadual de Santa Catarina (UDESC), e no Centro de Pesquisa e Formação do Sesc São Paulo, ambos em 2019, no V Seminário Studium, realizado no Instituto de Artes da Unicamp em 2017, no VI Festival Internacional de Fotografia de Tiradentes – Foto em Pauta, e do IV Encontro Pensamento e Reflexão sobre a Fotografia, realizado pelo Museu da Imagem e do Som de São Paulo e pelo Estúdio Madalena, ambos em 2015.

Atuou por três semestres como docente assistente nas disciplinas de Projeto Fotográfico e História da Fotografia, ministradas nos cursos de graduação em Midialogia e Artes Visuais, na Unicamp, com bolsa PED (Programa de Estímulo à Docência). Deu consultorias ao Senac para a criação de cursos de Pós-Graduação em Fotografia em 2012 e 2013. Ministrou aula inaugural no Programa de Pós-Graduação Latu Senso em Fotografia Aplicada do Centro Universitário Senac, em São Paulo, em 2017.